Leo Jaime – Solange

Já escrevi nesse mesmo blog há algum tempo, que o Leo Jaime é um gênio.

Repito: o homem é um gênio.

Escrever fácil como ele escrevia e com a profundidade que poucos alcançaram na música brasileira, não era para qualquer um.

Admiro muito quem consegue compor pop e rock em português, sem cometer papelões, por que a língua não ajuda na fluidez do idioma rock.

Poucos realmente conseguiram: Roger (Ultraje a Rigor), Arnaldo Baptista, Herbert Vianna, Mulheres Negras e mais uns dois ou três.

Solange é uma bem humorada versão de “So Lonely” do grupo The Police, e conta uma historinha cheia de sub-texto,  que seria um recado direto a uma funcionaria do escritório responsável pela Censura de projetos áudio visuais do antigo órgão governamental.

Grande música da nossa new wave torta.

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s