Stone Temple Pilots – Lady Picture Show

O STP foi a ultima grande banda californiana perigosa.

Perigosa no bom sentido.

No sentido certo.

Graças ao monstro Scott Weiland.

Chorar a morte de Ray Manzarek, ok. Goste-se de Doors e tal, mas eu hoje fiquei triste em saber que o STP trocou Scott pelo zé bolha Chester vocalista do Linkin Park.

Boring.

Scott é pancada, sobrevivente de si mesmo, imprevisível e igualmente talentoso, capaz de soluções inesperadas para os vocais.

E graças a essas soluções, o STP passou de pastiche grunge a grande banda dos anos 90. Ainda bom, ainda relevante e ainda intenso.

Enjoy…

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s